Encontro abre comemorações do centenário do escritor Antonio Callado

02:58 Cultura, Notícias 26/01/2017 - 23h33 Rio de Janeiro Embed

Nanna Pôssa

O escritor, dramaturgo e jornalista brasileiro Antonio Callado completaria nesta quinta-feira (26) 100 anos. Considerado um importante autor da literatura brasileira do Século 20, o centenário foi lembrado em encontro na Fundação Casa de Rui Barbosa, onde está seu acervo.

 

Para o professor de filosofia e letras, Eduardo Jardim, o romance Quarup, lançado em 1967, um ano antes do AI 5, é o ponto alto da produção de Callado. O livro conta a história de um padre que termina por abandonar a batina e entrar na luta armada contra o regime militar.

 

Autor do livro “A história foi assim: o romance político brasileiro nos anos 70 e 80”, Alcmeno Bastos diz que a obra de Callado tinha a capacidade de captar a movimentação do seu tempo.

 

A jornalista Ana Arruda Callado, viúva do escritor, está organizando um livro de crônicas que deve ser lançado em março para comemorar o centenário de Antonio Callado.

 

Callado será homenageado também com um seminário Universidade de Oxford, na Inglaterra, no dia 4 de fevereiro.

 

Ao todo ele escreveu nove romances, sempre tendo como tema a realidade política e social do Brasil nas décadas de 50 a 70. Sua obra compreende ainda seis livros de reportagem (um deles póstumo), sete peças de teatro, um livro de contos e uma biografia. Em 1994, foi eleito para a Academia Brasileira de Letras.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique