Enquanto Isso na Sala de Justiça encanta carnaval de Olinda

02:52 Cultura, Notícias 27/02/2017 - 10h52 Recife Embed

Sumaia Vilela

Domingo (26), em Olinda (PE), foi dia de usar a melhor fantasia e admirar as superproduções das pessoas que vêm para o bloco Enquanto Isso na Sala de Justiça.


Os super-heróis são as estrelas do carnaval. Eles são parados para fotos com foliões e incorporam o personagem durante toda a festa. Muitas vezes usam máscaras, pinturas corporais e muita dedicação para sair com um monte de roupa no calor do carnaval pernambucano.


Além dos super-heróis populares, outros personagens eram menos conhecidos, mas como estavam muito bem feitos, chamavam a atenção e acabavam divulgando o herói escolhido. Como o monstro do pântano, uma história em quadrinhos de autoria do Alan Moore, incorporado pelo promotor de Justiça Elder Ximenes, de Fortaleza.


Ele vestia um emaranhado de plantas artificiais da cabeça aos pés. Nenhuma parte do corpo era visível. A esposa Alexssandra Ximenes, 46 anos, é a criadora da fantasia. Artista plática, conta que levou um mês para produzir a roupa.


Essa oportunidade de interagir com a multidão e brincar de ser outra pessoa é o que o arte educador Rafael Barreiros, de 32 anos, mais gosta quando se fantasia. O grupo dele foi vestido de personagens da série americana Game of Thrones.


Quem fez sucesso no Alto da Sé, também, foi o pessoal do bloco Mucha Lucha. O grupo monta um ringue de luta livre e promove combates de brincadeira entre eles e os outros herois e vilões, como o Darth Vader, do filme Star Wars.


Se a luta é livre, o humor também. Os integrantes do bloco não saem do personagem nem para dar entrevista. Eduardo “Marrado”, de 38 anos, não perde o sotaque para responder se tanta interpretação não dá muito trabalho.


A brincadeira no Alto da Sé continuou até o início da tarde, quando o bloco Enquanto Isso na Sala da Justiça começou o desfile.


Antes, um dos momentos mais esperados: o Homem Aranha faz um espetáculo em cima do prédio da caixa d'água com a ajuda de cordas. E o super heroi deixou a multidão, claro, super encantada.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique