Bagunça Meu Coreto leva clima de marchinha em desfile estilo família pelas ruas de Laranjeiras

02:01 Cultura, Notícias 13/02/2018 - 16h56 Rio de Janeiro Embed

Carol Barreto

Nesse clima de Carnaval de antigamente, desfilou nesta terça-feira (13) o Bagunça Meu Coreto na zona sul do Rio de janeiro. O repertório de marchinhas e o clima tranquilo atraem famílias inteiras, como é o caso da professora Olívia Trindade, que trouxe três gerações para a folia e explica porque a preferência pelo bloco da Praça São Salvador:

 

Sonora: “A família toda a gente só vem aqui. Tem uma tia que mora aqui. E é bom pra ter esse suporte. O bloco é muito família, tem muita criança pequena. É um carnaval que a gente gosta e remete a mais antigamente.

 

Uma das fundadoras do bloco e membro da sua diretoria, a professora Regina Simões explicita a receita do sucesso do “Bagunça Meu Coreto”.

 

Sonora: “Sempre maravilhoso, encantador. Essa coisa alegre, todo mundo fantasiado. Essa bagunça é tudo de bom. Ano passado, tivemos dois desfiles, um da bateria e o das marchinhas. Este ano a gente simplificou e ficou só com as marchinhas e ficou muito legal.”

 

E como no Rio de Janeiro vereador que é folião também fiscaliza, Tarcísio Motta, da comissão de Carnaval da Câmara Municipal, apontou problemas na organização da festa:

 

Sonora “A gente fez uma série de recomendações e a prefeitura não seguiu nenhum delas. A gente vai de novo reinstaurar a comissão de carnaval porque a gente acha que tem muita coisa a ser discutida, a questão do sambódromo e a do carnaval de rua.”

 

O Bagunça Meu Coreto levou uma multidão pelas ruas do pacato bairro de Laranjeiras para marcar o seu 13º desfile.