Museu Nacional instala teto provisório de material metálico

02:05 Cultura, Notícias 12/06/2019 - 09h15 Rio de Janeiro Embed

Fabiana Sampaio

O Museu Nacional do Rio de Janeiro, destruído por um incêndio em setembro do ano passado, concluiu a instalação de um teto provisório de material metálico no prédio que foi consumido pelas chamas.

 

A instalação foi feita com recursos doados pelo Ministério da Educação (MEC) ainda em 2018 para obras emergenciais. 

 

Segundo o diretor do Museu, Alexander Kellner, antes foi preciso fazer o escoramento das paredes, trabalho que teve início dias depois do incêndio.

 

Kellner reafirmou que a liberação, pelo MEC, da primeira parcela dos R$ 908 mil necessários às obras será usada na elaboração do projeto executivo de restauração da fachada e dos telhados permanentes.

 

O plano será entregue à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), administradora do museu, para repasse ao MEC.

 

Segundo a assessoria do Museu Nacional, o total de recursos liberados pelo MEC é de R$ 16 milhões, sendo cerca de R$ 9 milhões para obras emergenciais e R$ 5 milhões para elaboração de dois projetos, um para a reconstrução interna do palácio e outro para novas exposições.

 

A instituição também tem recebido apoios de fora do país.  A assessoria de imprensa do Museu Nacional informou que o Ministério da Cultura da Itália anunciou uma colaboração. Ainda neste mês, autoridades italianas vão se reunir com a direção do museu para definir como será feita essa cooperação, se vão doar acervo, emprestar peças ou doar recursos para as obras de restauração.

 

Nesse sábado (8), durante a celebração dos 201 anos da instituição,  o Consulado da Alemanha anunciou doação de 145 mil euros neste mês,  para  obras de recuperação da parte elétrica do museu. Os recursos do governo alemão se somam a outros 180 mil euros doados em 2018 para compra de equipamentos.

 

A agência britânica internacional British Council também anunciou doação de R$ 150 mil para realização de intercâmbios educacionais e relações culturais.

 

*Com informações da Agência Brasil

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique