Escolas de samba do grupo especial não terão recursos da prefeitura para carnaval 2020

01:37 Cultura, Notícias 02/09/2019 - 14h39 Rio de Janeiro Embed

Raquel Júnia

A Riotur, Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro, confirmou, nesta segunda-feira (2), que não haverá subvenção da prefeitura às escolas de samba do grupo especial no carnaval de 2020.

 

A informação já havia sido dada pelo prefeito Marcelo Crivella durante um evento, na última sexta-feira (30). A nota da Riotur não traz nenhuma justificativa sobre a decisão.

 

Na última sexta-feira, no entanto, o prefeito afirmou que a prefeitura decidiu não dar subvenção a nenhum evento que cobre ingressos e que, nessa linha, continuariam dentro do orçamento da prefeitura apenas o carnaval da Intendente Magalhães, onde desfilam as escolas das séries B, C, D e E, e outros eventos que são abertos ao público, como o revéillon.

 

Os desfiles da Sapucaí e o Rock in Rio, por exemplo, que cobram entradas, não receberão mais recursos.

 

A Liga Independente das Escolas de Samba, a Liesa, que reúne as escolas do grupo especial foi procurada para comentar a decisão da prefeitura, mas disse que, por enquanto, não vai se pronunciar.

 

Para o carnaval de 2019, depois de várias idas e vindas e reuniões entre os representantes da Liesa e da Riotur, a prefeitura decidiu dar R$ 500 mil a cada escola.

 

Os recursos foram destinados faltando menos de um mês para os desfiles. Neste ano, o governador do estado do Rio, Wilson Witzel, afirmou que a gestão do sambódromo poderia passar para o governo estadual, no entanto, segundo Crivella, o assunto ainda não está definido.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique