Viva Maria: Prêmio destaca iniciativas pela igualdade de gênero

08:36 Direitos Humanos, Programetes 24/09/2015 - 04h00 Brasília Embed

Apresentação Mara Régia

Viva Maria hoje saúda todas as pessoas que foram agraciadas na 10ª Edição do Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero que se baseia em concurso de redações, artigos científicos e projetos pedagógicos. Esse prêmio é uma iniciativa do Programa Mulher e Ciência da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República em parceria com a ONU mulheres e o CNPq Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

 

Na última terça-feira quem esteve na cerimônia de premiação em Brasília por certo se sentiu provocado pela qualidade dos trabalhos científicos apresentados por estudantes de doutorado, mestrado, graduação e ensino médio. Os títulos dos artigos são prova disso.

 

estudante Maria Beatriz Pinto , por exemplo do Colégio Stella Matutina de Minas Gerais, Santos Dumont, escreveu uma Carta a Pagu, onde agradece todos os feitos extraordinários dessa rebelde do século XX que foi jornalista, tradutora, militante revolucionária, escritora , diretora de teatro e desenhista. Rita Lee que o diga, com sua homenagem sonora à Pagu!

 

Do Acre, Tarauacá, terra do maior abacaxi que há, Saria Soares de Souza, da Escola Estadual Doutor Djalma da Cunha Batista, escreveu sobre sua condição Mulher: “Sou mulher, sou negra, moro na Amazônia e defendo a equidade."

 

Do Rio Grande do Sul, Beatriz Conceição da Costa do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia denunciou em sua redação “ Os crimes contra as mulheres que afetam a todos”.

 

Do Sul ao Norte , Inailde Correa de Almeida da Universidade Federal do Pará teve seu artigo premiado no artigo: 'Os rios amazônicos não são masculinos: a atuação feminina na pesca varzina á luz da teoria da Eficiência Reprodutiva."


Mas coube a Nayara de Lima Monteiro da Universidade Estadual da Paraíba escrever um instigante artigo sobre “ A construção da Transversalidade da Perspectiva de Gênero no Mercosul: alcances e limitações a partir das relações de poder.”

 

Nayara foi escolhida para fazer um discurso em nome de todas as pessoas agraciadas no 10º Prêmio da Igualdade de Gênero. E eu quis saber se essa tarefa foi mais difícil do que a pesquisa que ela teve que fazer para escrever o artigo premiado.


Vamos ouví-la!

 

Viva Maria: Programete que aborda assuntos ligados aos direitos das mulheres e outros aspectos da questão de gênero. É publicado de segunda a sexta-feira.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique