Crianças e adolescentes sofrem 70% dos crimes sexuais no Rio

02:53 Direitos Humanos, Notícias 30/11/2015 - 18h09 Rio de Janeiro Embed

Tâmara Freire

Mais de 70% das vítimas de crimes sexuais no estado do Rio de Janeiro têm menos de 18 anos. Os dados constam no Dossiê Criança e Adolescente divulgado nesta segunda-feira (30) pelo Instituto de Segurança Pública (ISP). O levantamento compila dados de registros de ocorrência feitos entre os anos de 2010 e 2014 e mostra ainda que 70% dos autores desses crimes são familiares ou conhecidos e em quase 70% dos casos a violência acontece dentro da casa onde a vítima mora.

 

Para a coordenadora do escritório da Unicef no Rio de Janeiro, Luciana Phebo, é preciso aprofundar as medidas de combate e prevenção para que os primeiros sinais de abuso possam ser identificados.

 

O dossiê também mostra que o número de adolescentes em conflito com a lei subiu 150% em cinco anos e quando se trata de crimes ligados ao tráfico de drogas, o aumento foi de 300%. No entanto, para a diretora presidenta do ISP, Joana Monteiro, isso não comprova a necessidade de redução da maioridade penal, já que a maior parte dos crimes cometidos por adolescentes é de menor potencial ofensivo ligados à vulnerabilidade social. Ela reforça que é preciso atuar na prevenção desde a primeira infância.

 

O estudo também traz especificações de gênero e raça e mostra que negros e pardos são maioria entre as vítimas e também os que foram autuados em flagrante. Já as meninas sofreram mais violência, enquanto mais de 93% dos flagrantes registrados tiveram meninos apontados como autores.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique