A cada dez jovens assassinados no Brasil sete são negros

04:30 Direitos Humanos, Notícias 05/10/2016 - 07h37 São Paulo Embed

Eliane Gonçalves

Só depois da morte do filho é que dona Zilda prestou atenção na música dos Racionais MC. Bombeta, ou boné e moletom são para dona Zilda o RG - número da Carteira de Identidade - de quem vive na periferia.


Essas eram as roupas que o filho dela usava quando se transformou em uma das 25 vítimas da Chacina de Osasco (SP), em agosto do ano passado.

 

Fernando era negro assim como Zilda. No Brasil, a cada dez jovens assassinados pelo menos sete são negros.

 

Essa é a dor que foi denunciada à Corte Interamericana de Direitos Humanos como uma das violações sofridas por mulheres negras no Brasil.


Confira a reportagem de Eliane Gonçalves.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique