Freixo vai ao Ministério Público discutir andamento do caso Marielle

02:58 Direitos Humanos, Notícias 21/12/2018 - 19h59 Rio de Janeiro Embed

Tâmara Freire

O deputado estadual do Rio de Janeiro, Marcelo Freixo (PSOL), eleito deputado federal para o próximo mandato, esteve na tarde desta sexta-feira (21) no Ministério Público Estadual para externar seu receio com uma eventual conclusão precipitada das investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes , antes de ser eleita vereadora, Marielle trabalhou por muitos anos como assessora da Comissão de Direito Humanos da Alerj, sob o comando de Freixo. 

 

Marielle e Anderson foram mortos no dia 14 de março, semanas após a decretação da intervenção federal na segurança pública,  que se encerra no próximo dia 31 e deve deixar o caso em aberto.

 

De acordo com Freixo, a família de Marielle também foi convidada para ir até o MP nesta sexta-feira (21).

 

As visitas ocorrem uma semana após a Polícia Civil sair às ruas para cumprir diversos mandado de prisão e de apreensão contra suspeitos de integrarem grupos de mílicia que podem ter envolvimento nas mortes de Marielle e Anderson.

 

No dia seguinte à operação, o vereador do Rio de Janeiro, Marcello Siciliano depôs por mais de cinco horas à Polícia Civil. 

 

Em maio, um ex-miliano apontou o vereador como um dos mandantes do crime ao lado do o ex-policial militar Orlando de Araújo, conhecido como Orlando de Curicica, que atualmente está preso,  após ser condenado por liderar um grupo paramilitar.

 

Ambos negam as acusações.

 

Apesar do caso estar sendo investigado pela Delegacia de Homicídios do Rio e por uma força tarefa do MP sob sigilo,  diversas autoridades confirmaram que a principal linha é que Marielle tenha sido executada porque sua atuação parlamentar atrapalhava os interesses da milícia. 


 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique