Programação do Dia da Consciência Negra vai até sábado no DF

01:51 Direitos Humanos, Notícias 20/11/2019 - 18h43 Brasília Embed

Maíra Heinen

Até o sábado (23), artistas negros se apresentam no Centro de Ensino Médio 4, em Ceilândia, numa programação alusiva ao Dia da Consciência Negra, celebrado nesta quarta-feira, dia 20.

 

Rodas de conversa sobre racismo estrutural, apresentações musicais, apresentações de dança, declamações de poemas e exposição de obras de arte são algumas das atividades previstas.

 

A região administrativa de Ceilândia tem 63,5% de sua população formada por negros. Também é a com maior densidade populacional do Distrito Federal com quase 600 mil habitantes de acordo com o Anuário do Distrito Federal.

 

Os números, de 2010, são da Pesquisa Distrital por Amostra de Domicílios (PNAD) da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan).

 

No Centro de Ensino Médio não é diferente. Por isso, um dos idealizadores da programação, o professor de história Valter Halysson da Silva, explica que a intenção é pautar temas como racismo estrutural e religiões de matriz africana entre os adolescentes, celebrando também o orgulho de ser negro.

 

A escola está decorada com obras de artistas negros, como Rubem Valentim e Mestre Didi e terá apresentação da poeta negra ceilandense Carolina de Souza.

 

Como parte da programação, uma feira gastronômica pretende apresentar os sabores de vários países da África, para a toda a comunidade escolar. Alunos vão apresentar pratos tradicionais de diferentes regiões, com contextualização histórica e cultural.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique