Entenda como a TR determina os juros da poupança

02:50 Economia, Programetes 20/02/2015 - 02h00 Brasília Embed

Apresentação Eduardo Mamcasz

Continuando a conversa de ontem sobre a poupança que está rendendo menos do que a inflação. Está lembrado que fiquei devendo a tal da TR, a única que podia fazer com que a poupança não perca para a inflação porque esta continua alta neste ano, e tem ainda a Taxa Selic acima dos 8,5%, a partir do que a poupança rende apenas 0,5% ao mês, ou 6,17% ao ano, mais a tal da TR. Taxa de Referência. Quer saber que diacho é isso?
 

Antes, me permita uma coisa rapidinho que também fiquei devendo. Tem a poupança antiga, para depósitos feitos e não retirados até 3 de maio de 2012, quando as regras da poupança foram mudadas. Nesta poupança antiga, a regra é de rendimento fixo, de 0,5% mais a TR. Não tem nada a ver com a Selic. Com a poupança nova, cada vez que a Taxa Selic fica menor que oito e meio por cento ao ano, a poupança passa a valer somente 70% da Selic. Mais a TR. Então, digamos que a Selic chegue aos 7%, difícil de acontecer. Daí, pela poupança antiga, o rendimento num mês será de 0,5%. Mais a TR. E na poupança nova, 70% de 7 dá rendimento mensal na poupança nova dá 0,49%. Menos do que na antiga. Mais a TR.

Pronto. Chegamos na TR. Taxa Referencial. É chamada de remuneração básica. Criada no governo Collor. Para não ficar atrelada a inflação do mês que passou. É usada para pagar os juros básicos nos títulos do Tesouro Nacional, na caderneta de poupança, entre outros. É calculada na média dos juros pagos pelas trinta maiores instituições financeiras, a cada dia, em seus CDBs. Certificados de Depósitos Bancários. Daí, preste atenção, é colocado um redutor, para baixar a taxa, para ficar abaixo da inflação. Não à toa que em 2013, na maior parte do ano, esta tal de TR ficou em zero por cento. Por isso que a poupança está rendendo menos do que a inflação.

 

Trocando em Miúdo: Programete sobre temas relacionados a economia e finanças, traduzidos para o cotidiano do cidadão . É publicado de segunda a sexta -feira.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique