Trocando em Miúdo: Entenda por que o Copom pode aumentar a Selic

03:21 Economia, Programetes 28/07/2015 - 02h00 Brasília Embed

Apresentação Eduardo Mamcasz

Olá, prezada pessoa ouvinte e cidadã. Nesta quarta-feira (29), de noitinha, com o mercado financeiro já fechado, o Copom anuncia a nova taxa Selic. Entendeu? Desse jeito, nem eu. Vamos nessa?


Com a redução da meta fiscal e da economia para pagar os juros da dívida, a disparada do dólar diante do real, a ameaça do rebaixamento da nota de risco Brasil, sem contar a queda na nossa economia neste ano, tudo isso despenca para o lado da inflação, que está caminhando, no acumulado, em direção dos 10%. E por que eu estou colocando esta inflação no meio desta prosa?

 

Simples. O Copom é o Comitê de Política Monetária, que reúne os ministros da área econômica, e mais os grandes órgãos do mesmo pedaço, a cada 45 dias. Se a inflação continuar alta, o que ele faz? Aumenta a taxa Selic, taxa básica de juros, de 13,75%. Falando que nem técnico: Selic, Sistema Especial de Liquidação e de Custódia. Dizem que se aumentar a Selic, o Banco Central com isso controla a inflação. Por isso dizem que, nesta quarta-feira (29), a taxa básica de juros, por onde os bancos começam a cobrança nos empréstimos, deve aumentar. 

  

De imediato escuto a pergunta do ouvinte: se a taxa Selic vem aumentando faz tempo por que então a inflação não cai? Pois é. O pessoal do Banco Central acredita que o esforço de agora vale para o ano que vem, ou quem sabe, 2017, quando a gente poderia chegar no centro da meta traçada pelo governo para a inflação, que deveria, inclusive neste ano, ser de 4,5%. Até agora, no acumulado, já passou dos 9%.


E só para fechar a prosa. Aumentando a taxa Selic, como parece que vai acontecer, é por ela que o governo paga os juros da trilionária dívida pública interna. No caso do seu bolso, se a pessoa tiver imposto de renda a receber de volta, desde maio que ele está rendendo, enquanto retido, mesmo que na malha fina, o governo vai te pagar com percentual da Selic. 


Mas tem o seguinte: se você tiver devendo algum imposto e estiver atrasado, paga com a mesma taxa Selic, que deve aumentar amanhã quarta-feira (29). 

 

Trocando em Miúdo: Programete sobre temas relacionados a economia e finanças, traduzidos para o cotidiano do cidadão. É publicado de segunda a sexta-feira
 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique