Safra de produtos extrativistas terá preços reajustados

01:13 Economia, Notícias 28/06/2016 - 08h03 Brasília Embed

Ariane Póvoa

Os ministérios da Agricultura e o do Meio Ambiente assinaram proposta de fixação de novos preços mínimos para os produtos extrativistas da safra 2016/2017. Esses produtos, obtidos por agricultores familiares, recebem subvenção econômica do governo federal.


O valor do auxílio pode alcançar a diferença entre o preço mínimo e o preço de venda dos produtos. A proposta de fixação de novos preços visa apoiar os agricultores familiares na formação de renda.


O preço mínimo do quilo da amêndoa do coco babaçu, por exemplo, subiria 15% passando de R$ 2,49 para R$ 2,87 para extrativistas das Regiões Norte e Nordeste.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique