Trocando em Miúdo: Dia das Crianças é oportunidade de ensinar generosidade aos pequenos

04:55 Economia, Programetes 12/10/2016 - 02h00 Brasília Embed

Apresentação Eduardo Mamcasz

Olá prezada pessoa ouvinte cidadã.

 

Hoje, 12 de outubro, é o Dia da Criança. Dizem, né? Dia da Criança ganhar presente. Será? E se os pais estiverem desempregados, endividados, com o dinheiro quase que faltando até para a comida? Neste caso, tem como ter Dia da Criança, mas sem presente né? Mas antes de falar nisso, vamos prosear noutra direção. Neste Dia da Criança, que tal ela, no lugar de ganhar presente, ela presente presentear uma criança mais necessitada do que ela. Vamos nessa?

 

Pois então. Tem criança com o quarto cheio de brinquedos, cheio de bonecas, cheio de games e joguinhos e coisa e tal. Digo mais. Tem criança que tem dois brinquedos. Tem outra, muitas vezes até vizinha, que não tem nenhum. Está acompanhando o meu raciocínio? Mas, no caso, a criança com muitos brinquedos não tem que doar, ou seja, presentear, apenas com os brinquedos estragados, feitos e sujos. Não é por aí não.

 

Mais uma coisa, pequena cidadã que está me ouvindo. Os pais precisam pegar a criança e fazer com que ela entenda que é ela quem precisa entregar, pessoalmente, os presentes. Com isso, conhece a outra criança, que não é ela, que vive num orfanato, sobrevive nas ruas, ou que a família mal tem dinheiro para a comida.

 

Chega de prosa. Já falei demais. É melhor a gente ouvir juntos, neste Dia das Crianças, o presidente da Associação Brasileira dos Educadores Financeiros, o professor Reinaldo Domingos. Por que é importante a criança, com mais de um brinquedo, dar um, ou alguns, de presente para outra criança que não tem nenhum. Assim, olho no olho, de criança para criança. É por aí, professor?

 

Obrigado, professor Reinaldo Domingos, educador financeiro, por esses conselhos para o pequeno cidadão ouvinte neste Dia das Crianças.

 

Então, tá. Inté e axé.

 

Trocando em Miúdo: Quadro do programa "Em Conta", da Rádio Nacional da Amazônia. Aborda temas relacionados a economia e finanças, traduzidos para o cotidiano do cidadão. É distribuído em formato de programete, de segunda a sexta-feira, pela Radioagência Nacional. Acesse aqui as edições anteriores.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique