Fórum Econômico Mundial começa na Suíça com debate sobre riscos que ameaçam a globalização

02:10 Economia, Notícias 17/01/2017 - 09h59 Paris Embed

Adriana Moysés, da Rádio França Internacional

Começa hoje (17) na Suíça a 47ª edição do Fórum Econômico Mundial de Davos. Durante quatro dias, a nata do empresariado mundial avaliará os riscos sociais e políticos que ameaçam a globalização. A estrela do encontro deste ano é o presidente chinês Xi Jinping, na primeira participação da segunda maior economia do planeta, no fórum representada por seu líder. A equipe do presidente eleito norte-americano Donald Trump também estará presente, mas uma ausência marcante será a da chanceler alemã Angela Merkel.

 

O Brasil tenta resgatar sua credibilidade em Davos com os ministros da Fazenda, Henrique Meirelles; do Desenvolvimento, Marcos Pereira; de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho; e o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, além do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que fará palestras sobre a Lava Jato e o combate do Brasil contra a corrupção. Sobre a participação brasileira, a RFI ouviu a opinião da economista Lia Valls, da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique