Novas regras para rotativo do cartão de crédito entram em vigor

01:47 Economia, Notícias 03/04/2017 - 10h39 Brasília Embed

Danyele Soares

Começam a valer hoje novas regras para o rotativo do cartão de crédito. A principal mudança é que o consumidor não poderá ficar nessa opção de parcelamento, onde é feito o pagamento mínimo de 15%, por vários meses seguidos.

 

O brasileiro que não conseguir pagar o total da fatura, só poderá ficar no rotativo por 30 dias. Após esse prazo, há duas opções: ou o banco oferece uma outra opção de parcelamento, com juros menores, ou o consumidor quita o total da dívida.

 

A medida faz parte da reforma microeconômica anunciada pelo governo no fim do ano passado. A intenção é reduzir o endividamento, já que o rotativo tem juros em torno de 480% ao ano.

 

Mas este cenário deve mudar, quem explica é a chefe do Departamento de Regulação do Sistema Financeiro do Banco Central, Sílvia Brito e Silva.



De acordo com dados da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, com a taxa de juros atual do rotativo, ao final de três meses de pagamento mínimo, uma dívida de mil reais subiria para cerca de 1.500. E ao final de um ano, o consumidor estaria devendo em torno de R$ 5.400.

 

* Matéria atualizada às 15h56 para complementação de informações e inserção de sonora.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique