Conab e IBGE divulgam estimativa de safra recorde para 2017

01:49 Economia, Notícias 10/08/2017 - 15h56 Brasília Embed

Juliana Russomano

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgou nesta quinta-feira (10) a penúltima estimativa para a safra 2016/2017. De acordo com a companhia, a produção de grãos deve chegar a 238 milhões de toneladas. O aumento, em relação à safra anterior, é de mais de 51 milhões de toneladas.

 

São responsáveis pelo incremento as condições climáticas favoráveis, a ampliação em 4% da área cultivada e o aumento na produtividade média de todas as culturas. Dois dos destaques são de itens da cesta básica, como explica o presidente da Conab, Marcelo Bezerra.

 

Sonora: “O arroz, a colheita já se encontra concluída, resultando em uma produção de 12,3 milhões toneladas. Com relação ao feijão da primeira safra, a colheita está concluída, e a produção foi de 1,4 milhão toneladas. Na segunda safra, a colheita do feijão, no geral, está finalizando, e as boas expectativas de produtividade resultam numa safra de 1,2 milhão toneladas. Na terceira safra, a cultura está em desenvolvimento, a expectativa de produção é de 750 mil toneladas”.

 

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) também divulgou, nesta quinta-feira (10), a expectativa de produção de grãos e, assim como a Conab, prevê produção recorde. De acordo com o instituto, a safra 2017 deve ultrapassar os 242 milhões de toneladas, com destaques para a soja e o milho.

 

A diferença entre as duas estimativas se deve às metodologias adotadas. O IBGE faz o levantamento com base na produção de janeiro a dezembro do ano anterior. Já as estimativas da Conab são feitas com base no ano agrícola, que vai de julho a junho.