Trocando em Miúdo: Dia das Crianças é oportunidade para pais e filhos falarem sobre economia

05:22 Economia, Programetes 11/10/2017 - 09h21 Brasília Embed

Apresentação de Eduardo Mamcaz

Olá, prezada criança ouvinte e cidadã

 

A prosa de hoje tem a ver com uma coisa chamada presente, que se ganha de graça, merecido ou não, nas principais festas do ano.

 

Elas existem não é só para vender mais no comércio porque tem o outro lado, que vale principalmente para quem não tem dinheiro ou não pode gastar porque tem necessidade maior em casa.

 

Estou falando de mais um Dia das Crianças. Vamos nessa.

 

Direto na pesquisa divulgada pelo Serviço de Proteção ao Crédito junto com a Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas.

 

Principais resultados. 75% dos pais devem ir às compras à procura de presentes para este Dia das Crianças.

 

Tem mais. O gasto médio, dizem, para cada presente será de R$ 194. É a mesma do ano passado.

 

Daí eu pergunto direto para a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti. E a crise econômica, sô?

 

De qualquer forma, para efeitos de visão geral, estes números da pesquisa apontam alguma coisa de positivo na nossa economia, não é mesmo?

 

Mas vamos a uma coisa muito importante economista chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, neste Dia das Crianças.

 

Tem os pais sem dinheiro para comprar presente. Daí tem que chegar nos filhos e explicar a situação bem direito. Sem esconder e muito menos ter vergonha.

 

Mais um ponto. Aproveite então para ensinar um pouco de economia para os filhos. Eles precisam entender inclusive para levar pela vida.

 

Repetindo o conselho, Marcela Kawauti, para os pais neste Dia das Crianças. Ensinar o que?

 

Então, tá.

 

Inté e axé.


* A música “Cadê o rato”, usada hoje neste Trocando em Miúdo, está no CD “Plantando Ciranda”,  do Movimento dos Sem Terra (MST).

 

Trocando em Miúdo: Quadro do programa Em Conta, da Rádio Nacional da Amazônia. Aborda temas relacionados a economia e finanças, traduzidos para o cotidiano do cidadão. É distribuído em formato de programete, de segunda a sexta-feira, pela Radioagência Nacional. Acesse aqui as edições anteriores.