Nordeste tem mais de 30% da população sem acesso à água encanada

02:07 Economia, Notícias 24/11/2017 - 19h00 Rio de Janeiro Embed

Tâmara Freire

A população brasileira já passa de 205 milhões de pessoas, de acordo com dados divulgados pelo iIBGE nesta sexta-feira (24).

 

Os números são do ano passado e representam um aumento de 3,4% com relação aos registrados em 2012. E enquanto a quantidade de pessoas autodeclaradas brancas diminuiu 1,8%, neste período, a de pessoas pardas subiu mais de 6% e a de pretas quase 15%.

 

Com isso, o Brasil passou a ter mais de 54% de sua população considerada negra, com a soma de pretos e pardos.

 

A população idosa também aumentou 16%, chegando a quase 30 milhões de pessoas.

 

Ao passo em que as crianças de até nove anos passaram a ser menos de 13% dos brasileiros e as mulheres seguem sendo maioria e representam 51,5% da população.

 

O IBGE também divulgou novos dados sobre a situação dos domicílios brasileiros e constatou que cerca de 87% tinham água canalizada, mas cerca de um terço ainda não conta com coleta de esgoto.

 

E a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios mostra que ainda são grandes as diferenças regionais, já que o percentual de água encanada passa de 98% na região sul,  mas não chega 67% no nordeste.

 

E se direitos básicos ainda faltam, por outro lado, os brasileiros estão mais conectados e em mais de 92% dos domicílios, pelo menos uma pessoa tem telefone celular.

 

O acesso à internet, seja por computador ou por telefone, já uma realidade em quase 64% dos lares.

 

A pesquisa mostra também que o bem mais presente nas casas brasileiras é a geladeira, que está em mais de 98% dos domicílios. Em seguida, vem a televisão presente em mais de 97% das casas.