Distribuidoras de combustíveis são notificadas por não reduzir preço do diesel

01:21 Economia, Notícias 27/06/2018 - 10h48 Brasília Embed

Graziele Bezerra

Sete distribuidoras de combustível receberam uma notificação do governo porque não reduziram o preço do diesel.

Petrobrás, Ipiranga, Raízen, Alesat, Ciapetro, Royal Fic e Zema têm o prazo de 10 dias para prestar esclarecimentos à Secretaria Nacional do Consumidor, ligada ao Ministério da Justiça.

O desconto de R$ 0,46 no valor do litro do óleo diesel foi uma das promessas feitas pelo governo durante o protesto de caminhoneiros que durou mais de 10 dias, em maio.

As empresas também devem apresentar as notas fiscais de venda do diesel em cada estado brasileiro, em datas determinadas. Caso as distribuidoras não respondam aos questionamentos no prazo estipulado, a Secretaria Nacional do Consumidor poderá instaurar processo administrativo contra as empresas e aplicar multa, que pode alcançar o valor de R$ 9 milhões.

Segundo o ministério, as denúncias foram encaminhadas pelos postos de combustíveis à ouvidoria da pasta. Ao todo, 98 notificações informaram que as distribuidoras não estavam repassando o desconto.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique