Maggi pede que tabela de fretes da ANTT tenha preços mínimos para que mercado possa se regular

01:30 Economia, Notícias 12/06/2018 - 16h27 Brasília Embed

Samanta do Carmo

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, afirmou nesta terça-feira (12) que a tabela de fretes para transporte de cargas é uma realidade neste momento e que como membro do governo defende a tabela.

 

Por meio de nota, a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), informou que segue em diálogo, não apenas presencialmente, com os representantes dos caminhoneiros e do setor produtivo para discutir a terceira versão da tabela de fretes.

 

Na tarde de segunda-feira(11), as lideranças dos caminhoneiros não compareceram a reunião que estava marcada com a ANTT para debater o tema e preferiram um encontro privado apenas entre a categoria.

 

Segundo o ministro da Agricultura, as informações repassadas pelo setor de agronegócio é que existe atraso de onze dias nas exportações e que os frigoríficos ainda têm dificuldade para transportar suas mercadorias até os portos.

 

Ainda de acordo com o ministro Blairo Maggi, 60 navios estão atrasados.