Quase 2 milhões de trabalhadores ainda não sacaram o Abono Salarial

01:44 Economia, Notícias 14/09/2018 - 15h53 Brasília Embed

Leandro Martins

Um bilhão e 440 milhões de reais. Esse é o total de recursos que está a espera da retirada, por quase 2 milhões de trabalhadores com direito ao Abono Salarial ano-base 2016.


Tem direito ao abono salarial de 2016 quem estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias naquele ano, com média salarial de até dois salários mínimos.


O trabalhador precisa, também, estar com os dados corretos na RAIS, a Relação Anual de Informações Sociais, que é enviada pelo empregador.


Quem esteve empregado durante todo o ano de 2016 recebe o valor cheio, que equivale a um salário mínimo – R$ 954.


Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, de quase R$ 80, equivalente a um doze avos e assim sucessivamente.


A auxiliar de serviços gerais Ana Marli retirou o abono nos últimos cinco anos, quando trabalhou constantemente.


Trabalhadores de empresas privadas devem procurar a Caixa Econômica Federal. A consulta pode ser feita pessoalmente, pela internet, ou pelo telefone 0800-726 02 07.


Para servidores públicos, a referência é o Banco do Brasil, que também fornece informações pessoalmente, pela internet, ou pelo telefone 0800-729 00 01.


O prazo final para a retirada do benefício é dia 28 de dezembro.