Comércio do Rio deve contratar mais de 10 mil pessoas para trabalho temporário no final do ano

01:22 Economia, Notícias 16/10/2018 - 19h47 Rio de Janeiro Embed

Tatiana Alves

O comércio do Rio de Janeiro deve contratar cerca de 10 mil e 300 pessoas para trabalho temporário no final do ano e assim atender a demanda para o Natal, o período mais forte de vendas.

 

A expectativa consta de um estudo divulgado nesta terça-feira pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro.

 

De acordo com o economista-chefe da Fecomércio RJ, João Gomes,  o número de vagas corresponde entre 10 e 15%  do total de 72 mil e 700 ocupações temporárias estimadas pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo para os dois últimos meses deste ano em todo o país.

 

O número, no entanto, é 1,7% inferior às vagas temporárias criadas no Brasil no mesmo período do ano passado.

 

Segundo a Fecomércio RJ, cerca de 3 mil estabelecimentos do varejo reforçarão o quadro de funcionários com empregados temporários, um aumento médio de 29% entre os estabelecimentos que terão reforço para o período.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique