Procon entra com ação contra reajuste da tarifa de energia em Roraima; aumento é de até 38,89%

01:35 Economia, Notícias 01/11/2018 - 15h10 Brasília Embed

Maíra Heinen

O Procon da Assembleia Legislativa de Roraima ingressou com ação na Justiça Federal contra o reajuste na tarifa de energia. O aumento de até 38,89% foi autorizado pela Aneel e passa a valer a partir desta quinta-feira, afetando cerca de 165 mil unidades consumidoras.

 

O Procon pede que a resolução que autoriza o aumento pela Eletrobrás Distribuição Roraima seja suspenso imediatamente. Na ação, o órgão de defesa do consumidor destaca que “trata-se de um aumento assombroso nas tarifas de energia”, tanto para consumidores quanto para setores produtivos.

 

A ação cobra outras explicações como ressalta o procurador da Assembleia Legislativa de Roraima, Roni Brito. O procurador lembrou que o ano passado os consumidores já arcaram com aumento de 54,76% e que, no acumulado, a conta de energia em Roraima está tendo um reajuste médio de 93% em apenas dois anos.

 

A ação do Procon foi motivada pela Federação das Associações de Moradores de Roraima. A entidade pediu à Assembleia Legislativa uma audiência pública para discutir a situação com as autoridades do setor energético e segmentos econômicos. O presidente da casa, Jalser Renier, informou que a instituição já está adotando as medidas para organizar a audiência.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique