Entra em funcionamento mais uma turbina de Belo Monte; usina tem 9 mil MW de capacidade instalada

01:40 Economia, Notícias 18/07/2019 - 20h43 Brasília Embed

Juliana Cézar Nunes

Começou a funcionar esta semana a nova unidade geradora da Casa de Força Principal da Usina de Belo Monte. A partir de agora, o complexo, que fica no Pará, passa a disponibilizar, ao sistema elétrico brasileiro, quase 9 mil megawatts de capacidade instalada. Com isso, Belo Monte tornou-se a maior geradora de energia 100% brasileira, à frente da Itaipu Nacional, e a quarta do mundo.

 

As obras de Belo Monte devem ser concluídas no último trimestre deste ano com o funcionamento das 24 turbinas, totalizando 11 mil megawatts de capacidade instalada. A usina começou a ser construída há nove anos e até hoje recebe questionamentos de organizações ambientalistas e indígenas. Foram investidos cerca de R$ 42 bilhões no complexo hidrelétrico, administrado pela Norte Energia. A energia gerada atende a 60 milhões de consumidores do Norte, Nordeste e Sudeste do país por meio do Sistema Interligado Nacional.

 

Os consumidores do Norte esperam que a conclusão das obras em Belo Monte reduzam o preço da tarifa na região, que também é abastecida pelas usinas de Tucuruí, no Pará, e de Jirau e Santo Antônio, em Rondônia. A média paga pelo consumidor residencial no Brasil é de R$ 564 por megawatts/hora. Na Região Norte este valor vai para R$ 648 por conta dos investimentos nas linhas de distribuição e os frequentes furtos de equipamentos.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique