Aeroporto de Maceió começa a ser administrado hoje por uma empresa espanhola

01:07 Economia, Notícias 13/02/2020 - 07h58 Brasília Embed

Apresentação de Mighelzinho Martins

A partir desta quinta-feira (13), a Infraero encerra as operações no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, de Maceió, Alagoas.

 

O terminal passa a ser administrado pela empresa espanhola Aena Desarrollo Internacional.

 

Além do aeroporto alagoano, a nova gestora arrematou, em 15 de março de 2019, os terminais de Campina Grande, na Paraíba, e Juazeiro do Norte,no Ceará, que já estão sendo administrados pela companhia.

 

Também se encontram em Plano de Transferência Operacional para a empresa espanhola os terminais de Aracaju, em Sergipe, João Pessoa, na Paraíba, e Recife, em Pernambuco.

 

Intitulado Bloco Nordeste, o conjunto de aeroportos foi leiloado por R$ 1,9 bilhão, com ágio de cerca de 1.000% em relação ao lance mínimo inicial de R$ 171 milhões.

 

De acordo com o contrato de concessão celebrado entre a Anac , Agência Nacional de Aviação Civil, e a nova gestora, a estimativa de investimento para os aeroportos do Bloco Nordeste ao longo dos próximos 30 anos é de mais de  R$2 bilhões, sendo que  R$ 788 milhões, serão aplicados nos próximos cinco anos.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique