Ministério determina corte do ponto de professores grevistas no Acre

01:48 Educação, Notícias 21/09/2015 - 18h19 Brasília Embed

Graziele Bezerra

O governo determinou o corte salarial de professores universitários em greve, no Acre. Em ofício enviado à reitoria da Universidade Federal do Estado, o MPOG (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão) alega necessidade de continuidade do serviço público.

 

O reitor Minoru Kinpara diz que é contra o corte de ponto dos servidores.

 

São mais de 100 dias de greve na universidade. Estão mantidos os pagamentos de bolsas a estudantes declarados carente e o serviço de restaurante.

 

Os alunos em final de curso também estão recebendo orientações de monografias, mas os professores não estão dando aulas. O reitor garante que haverá reposição do calendário.

 

A greve na universidade federal do Acre começou no dia 20 de maio. Professores e técnicos pedem reajustes salariais, reestruturação do plano de cargos salários e melhores condições de trabalho.

 

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique