Terceirizados de limpeza de escolas do DF estão com salários atrasados

01:35 Educação, Notícias 19/07/2017 - 15h11 Brasília Embed

Anna Luisa Praser

Trabalhadores terceirizados, contratados para fazer a limpeza e conservação das escolas públicas do Distrito Federal (DF) estão com o salário atrasado mais uma vez. Eles são contratados das empresas Juiz de Fora e Real JG e deveriam ter recebido no 5º dia útil deste mês.


Além dos salários, o ticket alimentação também não foi pago. A diretoria do Sindserviços, sindicato que representa a categoria, diz que os atrasos são contantes e ocorrem há mais de dois anos. Jorge Luiz Prates, um dos diretores do sindicato, diz que a categoria está refém da situação e pede que o governo do Distrito Federal tome uma providências


A principal justificativa das empresas para o atraso dos salários é a falta de repasse de verbas pelo governo local. A empresa Real JG informou que vai efetuar ainda hoje o pagamento dos funcionários. Já a empresa Juiz de Fora ainda não se posicionou sobre o assunto.


Por nota, a Secretaria de Educação informou que os repasses para as empresas terceirizadas de limpeza está em dia e que o contrato concede um prazo de até 90 dias para quitar pagamentos.


A secretaria destacou que é responsabilidade das empresas garantir que os salários e benefícios dos funcionários contratados sejam pagos em dia.


Atualmente, mais de 3.800 empregados estão sem receber, segundo dados do Sindserviços. Este é o segundo atraso dessa categoria somente no ano. Em fevereiro, os funcionários chegaram a fazer greve, depois de 90 dias sem pagamento, inclusive do 13º salário.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique