Estudantes redobraram a atenção para não perder a hora do Enem no Rio

02:44 Educação, Notícias 04/11/2018 - 15h20 Rio de Janeiro Embed

Raquel Júnia

A preocupação com o início do horário de verão fez os estudantes ficarem ainda mais atentos neste primeiro dia de Enem, no Rio. Em frente a um dos grandes locais de aplicação de provas, a Universidade Veiga de Almeida, no Maracanã, zona norte do Rio, Mariana Castro, de 17 anos, que pretende tentar uma vaga para engenharia de produção na UFRJ, disse que ficou mais tensa com a mudança de horário.

 

A estratégia do estudante que planeja cursar Ciência da Computação Pedro Gonçalves, de 18 anos, foi adiantar o relógio no sábado.

 

Para o administrador Marcelo Mata, que acompanhava a filha Julia Gomes, que pretende cursar medicina, o apoio da família neste momento é fundamental. Ele destacou que a mudança de horário não alterou a rotina de preparação para a prova.

 

Thais Dantas, de 20 anos, que busca uma vaga para o curso de administração, chegou um minuto depois do fechamento do portão e não conseguiu fazer o exame. Mas a culpa não foi do horário de verão e sim do transporte público.

 

O Rio de Janeiro tem 383.244 inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio. Neste primeiro dia de Enem, as provas aplicadas foram de Linguagens, Ciências Humanas e Redação. No próximo dia 11, os estudantes responderão questões de ciências da natureza e matemática. O exame dá acesso à todas as universidades públicas do Rio, além de institutos, e de instituições particulares.