Quase 60% dos detentos do Maranhão obtiveram nota suficiente para vaga em universidades via Enem PPL

01:50 Educação, Notícias 27/01/2020 - 16h21 Brasília Embed

Renata Martins

No Maranhão, 947 detentos no Maranhão fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade – o Enem PPL, em dezembro de 2019.

 

E 544 internos, 57% do total, obtiveram pontuação suficiente para pleitear uma vaga no ensino técnico superior participando do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), ou para tentar bolsa de estudos em universidades particulares pelo Programa Universidade para Todos (Prouni).

 

A secretária adjunta de Atendimento e Humanização Penitenciária do Maranhão, Kelly Carvalho, atribui o êxito às ações do projeto “Eu Escolhi Estudar”.

 

O programa foi implementado pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Maranhão para elevar o índice de escolaridade nas unidades prisionais.

 

No país, o Exame Nacional do Ensino Médio para pessoas privadas de liberdade ou sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade foi aplicado em mais de 1,2 mil instituições prisionais para 46 mil inscritos.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique