São Paulo confirma primeiro caso de zika vírus

01:01 Geral, Notícias 22/05/2015 - 19h39 Brasília Embed

Jéssica Gonçalves

O primeiro resultado positivo de febre pelo zika vírus em São Paulo foi confirmado nesta sexta-feira pela Secretaria Estadual de Saúde.

 

O infectado é um homem de 52 anos, do município de Sumaré. A doença é transmitida por meio da picada do Aedes aegypti, mesmo mosquito transmissor da dengue. O paciente já está curado.


A secretaria informou que vai reforçar as ações de combate e prevenção. A doença causa febre baixa, manchas no corpo, coceira e vermelhidão nos olhos, e pode ser confundida com dengue, febre chikungunya e sarampo.


Em todo o país foram registrados 16 casos de zika vírus, segundo balanço divulgado este mês pelo Ministério da Saúde. Foram oito na Bahia e oito no Rio Grande do Norte.


Segundo o ministério, não há registro de morte associada ao vírus. A doença tem um período de incubação de cerca de quatro dias e os sinais e sintomas podem durar até sete dias.


O tratamento é feito com remédio para febre e dor, conforme orientação médica.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique