História Hoje: Há 98 anos nascia o Chacrinha

02:37 Geral, Programetes 30/09/2015 - 07h30 Brasília (DF) Embed

Apresentação Carmen Lúcia

José Abelardo Barbosa de Medeiros, mais conhecido como Chacrinha, completaria hoje 98 anos. O Grande Guerreiro nasceu em Surubim, Pernambuco, no dia 30 de setembro de 1917.

 

Ele é considerado o maior comunicador do rádio e da televisão brasileira. Começou a carreira no rádio, no final dos anos 30. Em 1956, estreou na televisão com um programa de auditório, alegre, diferente e inovador que conquistou o gosto popular.

 

Irreverente e sempre vestido de forma extravagante, com roupas de paetês coloridos, usava uma buzina pendurada ao pescoço, que utilizava quando o calouro cometia algum deslize. Sons de animais e panelas eram usados no programa onde também atirava bacalhau à plateia e oferecia abacaxi como prêmio aos cantores.

 

Chacrinha é considerado responsável pela popularização da televisão como meio de comunicação de massa. Autor de inesquecíveis frases, como: "Na televisão, nada se cria, tudo se copia”, "Quem não se comunica se trumbica" e "Eu vim para confundir, não para explicar"; e das perguntas: "Vocês querem bacalhau?" e"Vai para o trono ou não vai?", misturava em seu trabalho descontração, alegria e ironia. O grito de guerra "terezinha" não era homenagem a nenhuma Tereza, surgiu em substituição ao antigo patrocínio de água sanitária Clarinha que possuía uma sonoridade parecida.

 

Passou pelas TVs Tupi, Rio e Bandeirantes, com os programas Discoteca do Chacrinha, Buzina do Chacrinha e Cassino do Chacrinha, sempre acompanhado das famosas chacretes, as dançarinas profissionais de palco que animavam o programa.
Grandes nomes da Música Popular Brasileira foram revelados pelos programas de auditório do Chacrinha.
Foi líder de audiência nas tardes de sábado, por vários anos, na TV Globo graças à capacidade de improvisação e de entretenimento.

 

Casou-se com dona Florinda Barbosa, viveram juntos por 41 anos e tiveram 3 filhos: José Amélio, Jorge Abelardo e Zé Renato.
Morreu aos 70 anos, no Rio de Janeiro, no dia 30 de junho de 1988, vítima de infarto do miocárdio e insuficiência respiratória. Ele tinha câncer no pulmão.

 

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados às datas do calendário. É publicado de segunda a sexta-feira.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique