Médico cubano morre no Amapá com suspeita de H1N1

02:13 Geral, Notícias 06/04/2016 - 12h40 Brasília Embed

Graziele Bezerra

Um médico cubano morreu nessa terça-feira (5), no Amapá, com suspeita de H1N1. O Instituto Evandro Chagas, do Pará, analisa amostras de sangue do paciente.


O homem estava internado no Hospital de Clínicas Alberto Lima, em Macapá, desde domingo (3). Ele chegou de Cuba há uma semana, onde passava férias.


O médico passou também por Brasília antes de retornar ao Amapá. O coordenador de Vigilância em Saúde do estado, Clóvis Miranda, ressaltou as ameças do vírus.


A primeira vítima confirmada do H1N1, no Amapá, foi um bebê de oito meses que morreu no final do mês passado.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique