História Hoje: Saiba mais sobre Ray Charles, considerado pioneiro do jazz

03:33 Geral, Programetes 10/06/2016 - 06h00 Brasília Embed

Apresentação Gláucia Gomes

Há 12 anos morria em Los Angeles, nos Estados Unidos, Ray Charles, eleito pela revista Rolling Stone o segundo maior cantor de todos os tempos. Além de cantor, ele era pianista e considerado pioneiro da soul music, blues e jazz.

 

Ray Charles ficou cego aos sete anos de idade. Existem várias versões explicando a sua cegueira, sendo a mais aceita, uma infecção provocada por água com sabão nos olhos, deixada sem tratamento.

 

Foi na escola para cegos e surdos, na Flórida, que Ray Charles, aprendeu a escrever música e tocar vários instrumentos musicais, entre eles, o piano.

 

No final dos anos 40, Ray Charles, ainda adolescente, começou a carreira tocando piano e cantando em grupos de gospel.

 

Não demorou muito e trocou a música religiosa por baladas profanas, assinando em 1952 seu primeiro contrato com a Atlantic Records. Se dedicando ao rhythm and blues.

 

No entanto com a explosão do Rock & roll com Elvis Presley, em 1955, Ray Charles aproveitou a onda e lançou músicas como "I Got a Woman, "Talkin about You", "What I'd Say" e "Litle girl of Mine", que se transformaram em grandes sucessos.

 

Nessas canções ele reuniu elementos de rhythm and blues e gospel abrindo caminho para a soul music dos anos 60, transformando-o num astro do pop negro.

 

Ray Charles não se prendeu a nenhum gênero musical. Conviveu com o jazz, gravou soul music, baladas românticas e Rock & Roll. Nesta fase, ele fez sucesso com canções como "Unchain My Heart", "Ruby", " Cry Me a River", "Georgia On My Mind" e baladas country tais como "Sweet Memories", e seu maior sucesso comercial, "I Can't Stop Loving You", de 1962.

 

As interpretações de Ray Charles sempre foram apreciadas não importando as músicas que cantava.

 

A genialidade do artista, registrada em seus discos, dava a ele uma aura especial evidenciada em suas apresentações ao vivo. A sua musicalidade, a beleza e a graça deixavam o publico extasiado.

 

Ray Charles morreu em 2004 em Beverly Hills, aos 73 anos, vítima de uma doença no fígado.

 

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados a cada dia do ano. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique