ONU prevê crescimento de 50% na demanda por água no mundo até 2030

03:07 Geral, Notícias 20/03/2017 - 15h17 Brasília Embed

Andreia Verdélio

Nesta Semana da Água, a Rádio Nacional veicula uma série de cinco matérias sobre os recursos hídricos no país e no mundo.


Na reportagem de hoje (20), o tema é o desafio do reaproveitamento do material que volta à natureza sem o tratamento adequado.

 

 

 

Mais de 80% do esgoto produzido no mundo volta sem tratamento à natureza. No Brasil, apenas 35% é tratado. 

 


A previsão da Organização das Nações Unidas (ONU) é que, até 2030, a demanda por água no mundo deve aumentar em 50%. Ao mesmo tempo, mais de 80% do esgoto produzido pelas pessoas volta à natureza sem ser tratado.


Diante desse cenário, a organização mobiliza governos, setor privado e sociedade civil contra o desperdício, por melhoria nos sistemas de coleta e tratamento de esgoto e pelo reaproveitamento das águas residuais urbanas.


As águas residuais são os recursos hídricos utilizados em atividades humanas e que se tornam impróprios para o consumo, mas podem ser utilizadas para outros fins após tratamento.


Segundo a ONU, os custos da gestão dessas águas são ultrapassados pelos benefícios para a saúde humana e o desenvolvimento e sustentabilidade ambiental.


Confira os detalhes na matéria de Andreia Verdélio.