História Hoje: Há 97 anos, Brasil conquistava primeiro Ouro Olímpico

02:42 Geral, Programetes 03/08/2017 - 07h00 Brasília Embed

Apresentação Dilson Santa Fé

Em 3 de agosto de 1920, o Brasil conquista o primeiro Ouro Olímpico.

 

O Brasil participava dos Jogos pela primeira vez. A delegação brasileira era composta por 21 atletas, em cinco categorias: tiro, natação, remo, saltos ornamentais e polo aquático.

 

No dia primeiro de julho de 1920, sete atletas que disputariam o tiro, partiram do Brasil rumo à Antuérpia – Bélgica.

 

Os atletas viajaram por conta própria. Na bagagem, o sonho de medalha. No coração, o desejo de fazer história.

 

Mas, em meio à felicidade em participar da primeira olimpíada da história brasileira, a realidade.

 

No meio do caminho, depois de não ter cabine adequada para dormir e espaço para treinar, a notícia de que o navio Curvello não chegaria a tempo.

 

Assim, os atletas tiveram que desembarcar em Lisboa – Portugal e seguir em trem aberto, sob chuva e sol, até o local da prova.

 

Muitas foram as dificuldades e no dia da competição de tiro, tiveram que usar armas emprestadas pela equipe dos Estados Unidos. As armas e munições brasileiras tinham sido roubadas.

 

Mas nada parecia aplacar a determinação daqueles atletas: Afrânio Costa, Sebastião Wolf, Dario Barbosa, Fernando Soledade, Demerval Peixoto, Mario Maurity e Guilherme Paraense.

 

Na prova de pistola livre, atualmente chamada de tiro rápido, no dia três de agosto, Paraense foi o responsável pelo primeiro ouro olímpico da história do Brasil.

 

O Brasil voltou com três medalhas: ouro, prata e bronze por equipe. Todas vieram do tiro. A conquista foi em meio à inúmeras dificuldades, mas rica em improvisos criativos e determinação.

 

No retorno ao Brasil, o reconhecimento. Paraense foi recebido pelo então presidente da República Epitácio Pessoa e ganhou uma placa de ouro.

 

História Hoje: Programete sobre fatos históricos relacionados a cada dia do ano. É publicado de segunda a sexta-feira. Acesse aqui as edições anteriores.