Mato Grosso registrou quase 3 mil casos de chikungunya em 9 meses

00:58 Geral, Notícias 13/09/2017 - 16h48 Brasília Embed

Maíra Heinen

De janeiro a setembro deste ano o Mato Grosso registrou 2.999 casos de chikungunya em todo o estado. Um aumento de 116% em relação ao mesmo período do ano passado. Trinta e quatro municípios têm notificações da doença.
 

Segundo o boletim da Vigilância Epidemiológica de Mato Grosso, houve redução dos casos de dengue em 64%, e de zika vírus em 91%, no período analisado.
 

Para o órgão da Secretaria de Saúde matogrossense, o aumento dos casos de febre chikungunya já era esperado, porque é uma doença de caráter sazonal.


Sobre a dengue, embora os casos tenham reduzido 64%, a vigilância reforça a necessidade dos cuidados.


O órgão alerta que a falta de saneamento básico e cuidados domiciliares, e o início do período chuvoso no mês de outubro, podem propiciar o aumento dos números de criadouros do mosquito Aedes aegypti.