STF vai analisar recurso de Temer contra provas de delação antes de enviar denúncia à Câmara

01:36 Geral, Notícias 15/09/2017 - 11h32 Brasília Embed

Victor Ribeiro

A nova denúncia que envolve o presidente Michel Temer e políticos do PMDB da Câmara dos Deputados deve ser apreciada na própria Casa. Nessa quinta-feira (14), o relator da denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, decidiu que é preciso julgar o recurso da defesa de Temer contra as provas apresentadas na delação premiada dos empresários do grupo J&F antes de enviar a denúncia para apreciação na Câmara. O julgamento está marcado para a próxima quarta-feira (20).

 

O vice-líder do governo Beto Mansur, do PRB, afirmou que essa denúncia deve ser rejeitada pelos parlamentares.

 

Sonora: “Esta denúncia chegará muito mais fragilizada do que a primeira. O próprio plenário da Câmara que vai decidir essa questão, politicamente, está muito ressabiado. Sem contar a CCJ que vai discutir tecnicamente essa questão e vai saber o que fazer com esse processo.”

 

Já o deputado Alessandro Molon, da Rede, avaliou que a Câmara vai autorizar a abertura do processo por dois motivos.

 

Sonora: “Eu aposto nisso por duas razões. Primeiro porque a sociedade brasileira vai cobrar com mais força a aceitação da denúncia. Segundo porque a nossa fiscalização da liberação de emendas já foi remetida ao Ministério Público Federal e esse expediente não vai poder ser usado novamente pelo governo, inclusive, porque não há mais dinheiro nos cofres públicos para liberar pagamento de emendas parlamentares.”

 

Assim como ocorreu na primeira denúncia, a presidente do STF, Cármen Lúcia é quem deve encaminhar ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, o pedido de autorização para abrir processo contra o presidente Michel Temer.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique