Municípios do Rio enfrentam pior estiagem dos últimos tempos

02:31 Geral, Notícias 20/10/2017 - 19h24 Rio de Janeiro Embed

Joana Moscatelli

 A subsecretária de Segurança Hídrica e Governança das Águas, Eliane Barbosa, afirmou que 12 municípios do Norte e Noroeste Fluminense já decretaram estado de emergência devido à falta de chuvas.

 

A seca já reduziu também a produção de água do Sistema Imuna-Laranjal afetando o fornecimento em municípios da região metropolitana do Rio de Janeiro como Niterói e São Gonçalo. O superintendente da concessionária Águas de Niterói, Nelson Gomes, afirmou que o abastecimento de água no município ainda não afetado.

 

Em nota, a Cedae - Companhia Estadual de Águas e Esgotos informou que o período de estiagem prolongado já diminuiu a vazão disponível nos rios que abastecem municípios do interior do estado como Varre-Sai, Teresópolis, Magé, Cantagalo, Cordeiro e Ilha de Paquetá.

 

Segundo a Cedae, a falta de chuva também afetou os níveis das represas que abastecem algumas áreas dos municípios de Caxias e Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. 

 

Segundo a Secretaria do Ambiente, a situação nos reservatórios que abastecem a capital do Rio de Janeiro está mais equilibrada apesar de permanecer o estado de alerta.