Nuzman, Cabral e Diak são denunciados pelo Ministério Público por corrupção

01:55 Geral, Notícias 18/10/2017 - 12h47 Rio de Janeiro Embed

Tâmara Freire

O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF/RJ) denunciou o ex-presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB) Carlos Arthur Nuzman; o ex-diretor de operações e marketing do COB Leonardo Gryner; o ex-governador Sérgio Cabral, o empresário Arthur Soares e os senegaleses Papa Massata Diack e Lamine Diack.

 

Gryner e Nuzman também foram denunciados por organização criminosa e Nuzman responderá, ainda, por lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

 

Eles são suspeitos de fazer parte de um  esquema de compra de votos para que o Rio de Janeiro fosse escolhido como sede dos Jogos Olímpicos Rio 2016. 

 

Saiba mais com Tâmara Freire. 

 

* Áudio atualizado às 16h21 de 18/10/17.