Marco Aurélio autoriza quebra de sigilo fiscal e bancário de Aécio e Andrea Neves

01:17 Geral, Notícias 08/12/2017 - 01h18 Brasília Embed

Sumaia Villela

O ministro Marco Aurélio Melo, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a quebra de sigilo fiscal e bancário do senador Aécio Neves, da irmã dele Andrea Neves, do primo de Aécio Frederico Pacheco e do ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrela Menderson Souza Lima.

 

Eles são acusados de corrupção passiva, lavagem de dinheiro, obstrução de investigação e participação em organização criminosa no processo da Operação Patmos. A operação trata de suposta propina de R$ 2 milhões do grupo JBS que teriam sido pagos ao senador Aécio Neves. Acompanhe na reportagem de Sumaia Villela.