Confirmada morte cerebral de jovem com suspeita de febre amarela no Rio

01:13 Geral, Notícias 15/01/2018 - 16h43 Brasília Embed

Fabiana Sampaio

Foi confirmada a morte cerebral do jovem de 17 anos que estava com suspeita de febre amarela, do município de Miguel Pereira, no centro sul fluminense.

 

Luiz Fernando Valente Rodrigues, de 17 anos, deu entrada no Hospital São Francisco na Providência de Deus, na capital, na noite da última quinta-feira (11), com suspeita da doença.

 

O hospital informou que o paciente desenvolveu um quadro de hepatite fulminante, condição em que o fígado é gravemente afetado.

 

A equipe médica chegou a conseguir um órgão para realização de um transplante, mas o quadro de Luiz Fernando se agravou, ele teve sangramento cerebral, causando dano irreversível, o que impossibilitou a cirurgia.

 

O caso teve priorização nacional, e a Força Aérea Brasileira chegou a disponibilizar um jato para fazer o transporte do órgão. 

 

Só este ano, o Rio de Janeiro já tem dois casos confirmados de febre amarela silvestre, sendo um com morte, no município de Teresópolis, na região serrana, e o outro caso de Valença, no sul fluminense.

 

A Secretaria Estadual de Saúde informou que já disponibilizou. desde o ano passado. cerca de 6,7 milhões doses de vacinas para os 92 municípios.