Dois policiais militares são assassinados nos primeiros dias de 2018 no Rio

02:17 Geral, Notícias 04/01/2018 - 14h37 Rio de Janeiro Embed

Ícaro Matos

O estado do Rio de Janeiro teve dois policiais militares assassinados nesta quarta-feira, os primeiros de 2018. De acordo com informações da corporação, os dois policiais estavam de folga e foram mortos a tiros.

 

A vítima mais recente foi o sargento Anderson da Silva Santos. Segundo a Polícia Militar, ele se envolveu em uma briga de trânsito após outro veículo bater em seu carro, na noite desta quarta-feira, em queimados, na Baixada Fluminense.

 

O acidente causou uma discussão entre o PM e o outro motorista, e os dois acabaram entrando em luta corporal. Durante a briga, o homem, que ainda não foi identificado, tomou a arma do policial militar e disparou três tiros contra ele, todos na cabeça. O PM ainda foi socorrido para o Hospital da Posse, em Nova Iguaçu, também na Baixada Fluminense, mas não resistiu aos ferimentos.

 

O sargento Anderson da Silva Santos tinha 41 anos, estava há 18 anos na Polícia Militar e era lotado no batalhão da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro. Ele deixa um filho de 8 anos.

 

Mais cedo, pela manhã, o soldado Ivanderson da Silva Pinheiro foi morto em São Gonçalo, na Região Metropolitana da capital fluminense. De acordo com informações da Polícia Militar, ele trafegava de carro acompanhado de outro PM, pelo bairro Mutuá, quando assaltantes armados fecharam a via para fazer um arrastão.

 

Os policiais tentaram fugir, mas os criminosos atiraram contra o veículo.  Ivanderson foi baleado e perdeu o controle do carro, que capotou. O soldado não resistiu aos ferimentos e morreu no local.O outro policial conseguiu se abrigar após o acidente e escapou com ferimentos leves. Os bandidos fugiram levando a arma do PM morto.

 

O soldado Ivanderson tinha 38 anos, era lotado no Batalhão de São Gonçalo e estava há quatro anos na Polícia Militar. Ainda na quarta-feira a PM fez operação na região onde ocorreu o crime, para tentar capturar os responsáveis pela morte do policial.  Três homens foram presos e um menos foi apreendido. Outros dois suspeitos de participação no crime ainda são procurados.

 

No ano passado o estado do Rio teve mais de 130 policiais militares assassinados.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique