Após sofrer quatro gols, Vasco se classifica nos pênaltis e avança na Libertadores

01:32 Geral, Notícias 22/02/2018 - 07h44 Brasília Embed

Jorge Wamburg

Num dos mais dramáticos jogos que já disputou nos últimos anos, o Vasco, mesmo derrotado por 4 a 0 pelo Jorge Wilstermann, conseguiu, nos pênaltis, a classificação para a fase de grupos da Copa Libertadores, na noite dessa quarta-feira (21), na cidade boliviana de Sucre.

 

O herói do jogo foi o goleiro Martin Silva, que não impediu a goleada no tempo normal, mas, na decisão em pênaltis, defendeu três cobranças, a última delas, que decidiu a vaga, do zagueiro brasileiro Alex Silva, o Pirulito. O resultado foi 3 a 2 para o Vasco e o time saiu de campo classificado.

 

O Vasco venceu a primeira partida, em São Januário, também por 4 a 0, e tinha a vantagem de poder perder por até três gols de diferença, o que levou a decisão para as penalidades. Agora o time carioca entra no grupo formado por Cruzeiro, Racing da Argentina e Universidad do Chile.

 

No outro jogo da noite pela Libertadores, o Nacional, do Uruguai, em Montevidéu, derrotou o argentino Banfield e também passou para a próxima fase, no grupo 6, com Estudiantes, da Argentina, Real Garcilaso, do Peru, e Santos.

 

Na decisão da Recopa Sul-Americana, em Porto Alegre, depois de 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação, Grêmio e Independiente da Argentina também decidiram o título nos pênaltis. O Grêmio é o campeão: venceu por 5 a 4, com uma defesa do goleiro Marcelo Grohe na última cobrança do Independiente.