Campanha quer combater xenofobia e conscientizar migrantes sobre direitos trabalhistas

01:40 Geral, Notícias 21/02/2018 - 19h21 Brasília Embed

Juliana Cézar Nunes

O Ministério Público do Trabalho e a Universidade Federal de Roraima lançaram este mês uma campanha de rádio contra opressões e atos de xenofobia direcionados às pessoas migrantes e refugiadas.

 

A campanha “O idioma universal é o respeito” foi desenvolvida por alunos de Comunicação Social da Universidade.

 

De acordo com a procuradora do Trabalho, Priscila Moretto, o principal objetivo da iniciativa é conscientizar os migrantes de que eles também possuem direitos trabalhistas.

 

Pelos cálculos da Polícia Federal, mais de 30 mil venezuelanos vieram para o Brasil desde o início do ano passado, quando a crise econômica e política na Venezuela se agravou.

 

Os migrantes enfrentam condições precárias de sobrevivência e algumas casas com famílias venezuelanas chegaram a ser atacadas nos últimos dias.

 

De acordo com o Ministério Público do Trabalho, parte significativa dos migrantes tem boa qualificação profissional e até mesmo curso superior, mas encontra dificuldades para validar os diplomas no Brasil.

 

Denúncias de discriminação no trabalho podem ser feitas pelo telefone 95 – 2121-5100.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique