Moradores de Barcarena no Pará denunciam suposto vazamento de resíduos tóxicos

03:30 Geral, Notícias 21/02/2018 - 19h04 Brasília Embed

Mariana Martins

Moradores da cidade de Barcarena, no Pará, denunciaram um suposto vazamento de resíduos tóxicos proveniente da empresa de mineração Hydro Alunorte, depois das fortes chuvas que caíram no último sábado na região.

 

Imagens de uma lama avermelhada cobrindo áreas da cidade foram veiculadas na imprensa e em redes sociais.

 

O presidente da Câmara Técnica de Saneamento e Meio Ambiente do Conselho da Cidade, Petronilo Progênio Alves, dá a versão dos moradores.

 

O Ministério Público do Estado do Pará instaurou dois inquéritos: um para apurar o suposto vazamento dos rejeitos e outro para averiguar se houve impactos socioambientais ou se eles afetaram as comunidades rurais e os territórios onde vivem ribeirinhos e comunidades tradicionais.

 

O promotor de justiça Laércio Abreu comenta o andamento das investigações. 


Uma Comissão Externa da Câmara dos Deputados também foi criada para analisar a situação. O coordenador da Comissão, o deputado Edmilson Rodrigues alerta para o perigo de uma nova Mariana em Barcarena.

 

Ainda segundo Edmilson Rodrigues, depois de reunião com o Ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, nessa quarta-feira, ficou definido que uma Comissão Técnica do Ibama, que constatou inicialmente não haver vazamento na área, vai acompanhar a comissão da Câmara em visita à Barcarena na próxima sexta-feira, dia 23.

 

Por nota, a empresa Hydro Alunorte nega o vazamento e reitera que os depósitos de resíduos são seguros. Também em nota a Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará diz que inspeções técnicas confirmam que não houve rompimento e nem transbordamento da chamada “lama vermelha” do depósito da Hydro.

 

A Hydro Alunorte é a maior usina de refinamento de bauxita do mundo.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique