Vereadores de Mesquita, na Baixada Fluminense, são suspeitos de fraude em licitações

01:08 Geral, Notícias 06/03/2018 - 14h43 Rio de Janeiro Embed

Ícaro Matos

A Polícia Civil e o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, realizaram operação nesta terça-feira para cumprir mandados judiciais de busca e apreensão contra vereadores de Mesquita, na Baixada Fluminense.

 

Os alvos são suspeitos da prática dos crimes de peculato, associação criminosa, fraude em licitações e lavagem de dinheiro. Os mandados foram cumpridos nas residências dos investigados e nas dependências da Câmara Municipal.

 

Entre os alvos da ação estão o presidente da Câmara de Vereadores de Mesquita, Marcelo "Biriba"; o vice-presidente da casa, Amaury Trindade da Silva; o presidente da Comissão de Licitações da Câmara, Fábio de Brito; além de representantes de empresas contratadas pela Câmara de Mesquita.

 

De acordo com as investigações, o esquema envolve o uso de empresas fantasmas para emissão de notas fiscais, sem a devida prestação do serviço contratado pela Câmara Municipal. A apuração também revelou que estas empresas fantasmas não tiveram concorrentes nas licitações vencidas.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique