Rodoviários mantêm greve em Ananindeua e Marituba; ônibus vão circular com catraca livre

02:27 Geral, Notícias 22/04/2018 - 16h56 Brasília Embed

Kariane Costa

A greve de ônibus nos municípios de Ananindeua e Marituba, na região metropolitana de Belém, no Pará, continua por tempo indeterminado. 

 

De acordo com o presidente do Sindicato dos Rodoviários das duas regiões, Wellen Cunha, os trabalhadores não vão cumprir a decisão da Justiça.

 

A Justiça considerou a greve abusiva e determinou a obrigatoriedade de funcionamento de 80% da frota.

 

Também estabeleceu uma multa de  20 mil reais por cada ônibus circulando sem cobrador, assim como de 100 mil reais por dia sem trabalho.

 

As empresas foram autorizadas a contratar motoristas para normalizar serviço e também estão sujeitas a multa, em caso de descumprimento.

 

Ainda segundo  Wellen Cunha,  os ônibus  circulam nesta segunda-feira  em Ananindeua e Marituba com catraca livre.

 

No último sábado,  rodoviários e a Polícia Militar entraram em conflito, após uma manifestação na BR 316. A Polícia Civil informou que dois sindicalistas foram detidos por desobediência civil e liberados depois de assinarem um termo. Já os sindicalistas reclamaram da atuação da Polícia, argumentando que foi violenta.

 

Até o fechamento desta reportagem, não conseguimos contato com o sindicato que representa os rodoviários de Belém e retorno do pedido de entrevista com o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Belém.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique