Sérgio Cabral é condenado em segunda instância a mais de 14 anos de prisão

01:06 Geral, Notícias 31/05/2018 - 18h35 Brasília Embed

Fabiana Sampaio

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, teve a primeira condenação confirmada em segunda instância.

 

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), com sede em Porto Alegre, manteve a pena do ex-governador em 14 anos e 2 meses no processo que apurou esquema de corrupção na construção do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro.

 

De acordo com a sentença, o ex-governador recebeu propina da empreiteira Andrade Gutierrez. Também foram réus nesse processo Wilson Carlos Carvalho, ex-secretário de gestão do RJ, que também teve a pena mantida, e Carlos Miranda, sócio de Cabral, que teve a pena diminuída em um ano. Eles foram condenados pela 13ª Vara Federal de Curitiba por corrupção passiva e lavagem de dinheiro em 13 de junho de 2017.

 

A 8ª Turma do TRF4 negou o recurso do Ministério Público Federal e manteve a absolvição da mulher de Cabral, Adriana Ancelmo.

 

No total, Cabral é réu em 23 processos e já foi condenado em cinco deles. Até o momento, suas penas somam mais de 100 anos de prisão.

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique