França disputa terceira final nos últimos 20 anos

02:26 Geral, Notícias 11/07/2018 - 08h45 Rio de Janeiro Embed

Eurico Tavares

Quarta-feira, 11 de julho. Hoje é o dia da segunda semifinal da Copa do Mundo 2018.


O resultado vai definir os adversários para as duas últimas partidas da Copa, a disputa do terceiro lugar no sábado (14) e a disputa do titulo máximo, no domingo (15).


Na primeira semifinal, a França derrotou a Bélgica por 1 a 0 e vai participar da sua terceira final de Copa

.
Desde que a Copa passou a ter 32 seleções na fase final, a França será a única a disputar sua terceira final: em 1998 ganhou do Brasil por 3 a 0, em 2006 perdeu nos tiros livres para a Itália e chega agora em 2018.


O Brasil chegou em duas finais: vice, em 1998, e campeão, em 2002.


A Alemanha também chegou em duas finais: vice, em 2002, e campeã, em 2014.


Argentina, Holanda e Itália uma vez cada. Destas só a Itália foi campeã.


Resta uma vaga na final que será definida hoje, entre Inglaterra e Croácia.


A Inglaterra foi campeã em casa, em 1966, ganhando da Alemanha na final por 4 a 2. E tem um recordista desde aquela época: Geoff Hurst é o único jogador a fazer três gols numa única final de Copa do Mundo.


A seleção inglesa teve o benefício de jogar mais tempo já que a partida foi até a prorrogação e nela Hurst fez dois dos seus três gols.


Hoje, se a Inglaterra vencer, fica definido que não haverá nova campeã, permanecendo o grupo de oito seleções que já conquistaram o título máximo.


Uma vitória da Croácia sobre a Inglaterra deixa duas interrogações para o jogo final: se a França vencer permanecem os atuais oito campeões do mundo e a Croácia passa a ser a quinta seleção a chegar numa final sem vencer, sendo vice-campeã como é o caso da Tchecoslováquia, Hungria, Suécia e Holanda.


Se a Croácia vencer a final e conquistar o título será a nona seleção a ser campeã do mundo.


O jogo entre Inglaterra e Croácia começa às 15h, horário de Brasília, e será disputado em Moscou, no mesmo estádio onde o titulo será decidido no domingo, a partir do meio-dia.
Será o jogo de número 900 da história das Copas.


A disputa do terceiro lugar acontece no sábado, a partir das 11h, horário de Brasília, em São Petersburgo.